Fora Bolsonaro

Punir Pazuello e derrubar Bolsonaro

O ato bolsonarista de 23 de maio, no Rio de Janeiro, novamente põe em xeque os limites do regime. Se for complacente com o general, o comando do exército se mostrará subserviente aos desmandos do presidente, e abrirá precedente para outros casos de indisciplina.